Osias Matos
09/06/2015
Muitos discípulos não tem idéia do que é o inferno. Se soubessem o que realmente é, teriam mais temor e não viveriam fazendo tantas coisas que desagradam a Deus. 

Muitos discípulos não tem idéia do que é o céu. Se soubessem o que realmente é, teriam mais amor e viveriam fazendo todas as coisas que agradam a Deus. 

Muitos pensam que o inferno é um lugar onde Satanás estará reinando, sentado num trono e castigando as pessoas. Na realidade ele é quem mais vai sofrer no “lago de fogo”. O inferno é um lugar tenebroso de tormento eterno, é escuro, fedorento e agonizante. O enxofre queimando, os vermes carcomendo, as pessoas gritando e se esbarrando umas nas outras, se empurando com arranhões, mordidas e tapas. É um lugar de “ranger de dentes”, de “dilúvio de açoites”, sofrimento eterno, contínuo e desesperador. O pior de tudo é a ausência de Deus, pra sempre e sempre. 

Muitos pensam que o céu é um lugar “enfadonho”, Deus reinando, sentado num trono, e as pessoas vestidas de branco, cantando e entoando louvores “24 horas por dia”. 

Na realidade, o céu não pode ser visto como um lugar e sim como uma pessoa, o céu é Jesus, o céu é onde Jesus está. 

Quanto tempo seria necessário para aprender a falar todas as linguas que existem ou que já existiram? Quanto tempo pra se aprender a tocar todos os instrumentos musicais? Quanto tempo pra conhecer todas as ciências e mistérios do universo? A ETERNIDADE NÃO SERÁ SUFICIENTE PRA SE CONHECER DEUS EM TODA A SUA PLENITUDE. 

Vida eterna com Deus é uma relação especial em família, comunhão intensa e extravagante para sempre e sempre, cada dia será novo, prazeroso e intenso. 

Agora, mesmo conhecendo o que é o inferno e o céu, eu não sirvo a Jesus por medo do inferno ou por desejar o céu. Mesmo que ao final de tudo eu descobrisse que não existe o inferno ou o céu, teria valido a pena viver aqui na terra como um discípulo de Jesus. 

Jesus mudou a história da humanidade e mudou a minha história, na realidade a história é uma biografia dEle. Foi Jesus quem falou que somos iguais, se hoje as mulheres tem seu valor, se os escravos são livres ou se falamos em direitos humanos foi Jesus quem nos trouxe os princípios. Eu quero aplicar tudo o que Ele ordenou em minha vida, no meu casamento, na criação dos meus filhos e netos, no meu trabalho e profissão e em todas as áreas da vida. Se eu descobrisse que não tem vida depois da morte, mesmo assim teria valido a pena viver sendo semelhante a Ele em tudo. Eu quero a “cruz”, o “negar-se a si mesmo”, o “sofrer o dano e a injustiça”, o ” renunciar a tudo que tem”, o “perder a vida”, o “perdoar”, o “servir e não ser servido”, o “dar é melhor que receber”, o “dar a segunda face”, o “andar a segunda milha”, a “túnica e a capa”, o “ser manso e humilde”. Quero ser igual a Jesus em tudo, o que Ele fez eu faço, o que Ele não fez eu não faço. Jesus nosso único ponto de referência, O modelo, nosso exemplo em tudo.